MIGUEL BULNES CERCAS

CON LAS CAPAS LARGAS

 
 

A perdiz com “reclamo”(*). Mais do que uma “afición”, uma paixão, uma vida. Veremos como tradição familiar se submete aos desígnios proferidos pelo capote comprido, com os quais se comunga intimamente com o campo e com os seus habitantes, com o mato e os “reclamos”(*), esses, no fundo, que identificam o verdadeiro esperista.

Ir-se-ão sucedendo nomes como Galindo, Ruanes, Coco, Angelillo... Embora sejam os atribuídos aos pássaros, parecerá através dos relatos de esperas e histórias que estamos a falar de amigos íntimos. Em consequência faremos, ao longo das páginas deste livro, um percurso íntimo colados à história dos “reclamos” (*) mais destacados de um “jaulero” que cheira a tradição e a profundas raízes.


De toda a obra do autor, “Con las capas largas”, é o livro mais intimista.

(*) “reclamo(s)”: chamariz(es)

 

Língua:

ESPANHOL

Encadernação:

Rústica

Laminado brillo

Páginas:

176

Impressão:

Color y B/N

Conteúdo:

Textos, fotografías

e ilustraciones

Medidas:

170x240 mm.

Opiniões aparecidas na imprensa do setor:

Um livro muito ameno y de fácil leitura que não só saberão apreciar os consumados pajariteros mas também a imensa maioria dos adeptos à literatura cinegética. O autor, um autêntico experto nesta modalidade de caça tipicamente espanhola, transporta-nos para o campo na sua essência mais pura e para os seus habitantes simples e nobres, outorgando-lhes generosamente o verdadeiro protagonismo desta obra amena.

“Con las capas largas” é um livro simples, cheio de gosto pelo campo, de recordações que são as do autor mas que, igualmente, poderia ser o de qualquer outro caçador, interessado ou não na caça da perdiz com reclamo(*). Relam-se episódios comuns para muitos de nós, já que a afición, interesse e desvelos são idênticos a todo bom aficionado à caça. O pai que ensina o filho com paciência, o primeiro dia de caça, o conhecer e aprender com a passagem dos anos, a lembrança do muito e bom que se pode chegar a sentir por uma afición tão profunda e cheia de pormenores.

A perdiz com reclamo (*). Mais do que uma afición, uma paixão, uma vida. Veremos como uma saga familiar se submete aos desígnios ditados pela capa larga, esses nos que se comunga estreitamente com o campo e as suas gentes, com o monte e os chamarizes, esses, ao fim e ao resto, que identificam o verdadeiro aguardista.


Ir-se-ão desgranando nomes como Galindo, Ruanes, Coco, Angelito,…